OAB Serra Talhada lança projeto educacional em parceria com a Prefeitura e o Governo do Estado

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

A Subseção da OAB em Serra Talhada está lançando o projeto Governo e Sociedade Civil Reescrevendo a História. A iniciativa, articulada pela Comissão de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, pretende estimular o estudo e a reflexão sobre a Lei nº 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha; a desconstrução do machismo; a igualdade de gênero; e o respeito ao próximo.

A mobilização envolve professores e estudantes do 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental II.  A dinâmica propõe a realização de rodas de diálogo e produção textual tanto em estabelecimentos educacionais nas redes particular e pública municipal e estadual. Charges, dissertações, memórias e poemas estão entre os conteúdos que podem ser desenvolvidos como parte das ações escolares.

“Acreditamos que através das crianças, jovens e adolescentes podemos desconstruir o machismo arraigado na nossa cultura ainda patriarcal e que eles, sim, podem se tornar propagadores do respeito à igualdade de gênero dentro e fora de casa, pois serão o futuro da nossa nação”, comentou a presidente da Comissão à frente da iniciativa, Simone Soares. Ela ressaltou ainda que a reflexão sobre gênero tem com o objetivo de gerar mudanças no comportamento machista, refletindo, assim, positivamente no comportamento no âmbito familiar e doméstico.

No momento, cinco escolas já estão inseridas no projeto. A expectativa é que outras possam fazer parte com o início do ano leito em 2018. A realização do projeto ocorre em parceria com a Prefeitura de Serra Talhada, por meio da Secretaria de Educação, e com o Governo Estadual, por meio da Secretaria da Mulher e o Cram – Centro Especializado de Atendimento à Mulher em Situação de Violência Doméstica e Sexista Francisquinha Godoy.