Após atuação da OAB-PE, Fórum do Recife terá entrada exclusiva para advogados

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Os advogados e advogadas que forem ao Fórum do Recife, no bairro da Joana Bezerra, passarão a ter acesso por uma entrada exclusiva, que também será  utilizada por membros do Ministério Público, procuradores, defensores públicos e servidores do Judiciário. Com isso, não serão necessárias as revistas indiscriminadas a que os profissionais da advocacia estavam sendo submetidos antes de entrarem no prédio. Esta foi a principal medida acertada após uma reunião, nesta sexta-feira (19), dos presidentes da OAB-PE, Bruno Baptista, da Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas (CDAP), Carlos Barros, e da Caape, Fernando Ribeiro Lins, com a diretoria do fórum para tratar do assunto.

A diretoria do fórum concordou em destinar esse acesso exclusivo e ficou de definir qual das entradas do fórum será a reservada. Servidores do Judiciário, e não mais policiais militares, ficarão responsáveis pelo controle do acesso.

“As revistas prévias não fazem sentido. Não há hierarquia entre magistrados, membros do Ministério Público, procuradores, defensores e advogados. Ouvimos as reclamações justas da classe e fomos à luta. Abrimos o diálogo com a diretoria do fórum e chegamos a essa solução que preserva a dignidade da advocacia”, afirmou o presidente Bruno Baptista.

O presidente da CDAP, Carlos Barros, também avaliou como positivo o entendimento com a direção do fórum. “Resolve-se, com isso, a questão da revista e traz um tratamento igualitário em relação aos demais profissionais que atuam no fórum”, justifica.

A medida será aplicada tão logo fique definida qual entrada será reservada para o acesso exclusivo.