CMA promove palestra em Limoeiro sobre os 13 anos da Lei Maria da Penha

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

A Comissão da Mulher Advogada (CMA) da OAB-PE promoveu palestra acerca dos 13 anos da Lei Maria da Penha e o enfrentamento à violência contra à mulher, na Câmara Municipal de Limoeiro, na Mata Norte de Pernambuco, nesta quarta-feira (28). O evento faz parte do calendário comemorativo da OAB-PE do Mês da Advocacia 2019 e foi produzido também pela CMA da subseccional da cidade.

Participaram da mesa:  o seu vice-presidente da OAB Limoeiro, Marcelo Lapenda, a professora de Direito Penal, Amanda Barbalho, a membro da CMA da subseccional, Isabela Cavalcanti e Fabiana Leite, presidente da Comissão da Mulher Advogada da seccional e o vereador da cidade Marcos Sérgio.

Segundo Fabiana Leite foram trabalhados o contexto histórico do machismo, do sexismo, do patriarcado e do empoderamento feminino. “No evento discutimos a importância da Lei Maria da Penha, de tomarmos conhecimento sobre os cinco tipos de violência que as mulheres sofrem – física, psicológica, sexual, patrimonial e moral – mas mostra também que o Brasil precisa romper com esse ciclo de machismo, sexismo, patriarcado e dessa grande desigualdade de gênero. Esta foi uma excelente oportunidade de descentralizarmos a discussão, trazendo para o interior de Pernambuco, um assunto que é de extrema importância para nossa sociedade”, explicou a presidente da CMA.

No Mês da Advocacia, esta foi a segunda palestra promovida pela Comissão da Mulher Advogada sobre os 13 anos da Lei Maria da Penha. A primeira, aconteceu na sede da OAB-PE, no último dia 21 de agosto. Ainda em agosto, a CMA promoveu  também um debate com o tema Maternidade e Carreira, no dia 12.