Comissão da OAB-PE leva propostas ao corregedor-geral do TST

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

Visando o aperfeiçoamento dos serviços prestados pela Justiça do Trabalho e pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 6ª região, a presidente da Comissão de Direito do Trabalho (CDT) da OAB-PE, Marina Roma, reuniu-se nesta quarta-feira (23) com o ministro Lélio Bentes, corregedor-geral do Tribunal Superior do Trabalho, para apresentar propostas de interesse da advocacia trabalhista pernambucana. O encontro aconteceu na sede do TRT-6.

Na pauta, assuntos de ordem institucional entre a advocacia trabalhista e o TRT-6 e propostas de melhorias de estruturais nos fóruns trabalhistas. “Trouxemos um pleito antigo, como o espaço para as advogadas que estão amamentando ou gestantes, para que elas possam aguardar as audiências com mais conforto, que tenha cadeiras e trocador, além de um painel comunicador das audiências”, explica Marina Roma.

Para a presidente da CDT, tanto os advogados quanto os servidores e juízes, em conjunto, podem estar ainda mais afinados para que a Justiça do Trabalho siga forte e eficiente para o jurisdicionado. “Reforçamos que a OAB-PE estará presente procurando sempre promover uma melhor relação entre advogados e às instituições em prol do mesmo objetivo: excelência da Justiça do Trabalho e dos seus serviços”, ponderou a presidente da CDT.

Na reunião também estiveram presentes os conselheiros da OAB Silvia Nogueira (federal) e Leonardo Camello (estadual); o vice-presidente da CDT, João Fernando Amorim, a secretária-geral, Renata Valle, e os membros da CDT Luana Oliveira, Robson da Silva e Patrícia Lyra.