Gestores da OAB-PE receberam Corregedoria Itinerante do CFOAB para palestra e reunião de avaliação

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

O projeto Corregedoria Itinerante, do Conselho Federal da OAB, aportou no Recife na última quinta-feira (16). Dentro da dinâmica da iniciativa foram realizadas duas atividades, ambas na Casa da Cidadania, sede da OAB Pernambuco. A primeira, uma palestra aberta ao público no Auditório Fernando Santa Cruz sobre as principais atualizações do novo Código de Ética e Disciplina da OAB. A outra foi uma reunião interna com gestores nacionais e seccionais da área no Plenário Urbano Vitalino Filho.

O vice-presidente da OAB-PE, Leonardo Accioly, conduziu as discussões sobre as mais recentes modificações nas normas de conduta para advogados e advogadas. As exposições a respeito das mudanças na legislação ficaram a cargo dos corregedores-adjuntos do CFOAB, Erik Franklin Bezerra e Elton Sadi Fülber. A mesa foi completada pelo secretário geral da OAB-PE, Fernando Ribeiro Lins, o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (Caape), Bruno Baptista, o presidente do Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da OAB-PE, Pelópidas Soares Neto, e o corregedor seccional, Raimundo Menezes Filho.

A versão anterior do Código de Ética e Disciplina da OAB vigorou por 20 anos. Entre as alterações introduzidas pela nova normatização estão a permissão de publicidade dos serviços dos advogados e advogadas por meios eletrônicos e advocacia pro bono, possibilitando o atendimento gratuito aos necessitados economicamente, o que era vedado até então.

“Os corregedores-adjuntos trouxeram a experiência de vários casos que são enfrentados em outras Seccionais, bem como a interpretação das normas do novo Código de Ética e Disciplina que vem sendo aplicada no Conselho Federal. Diante disso, a plateia externou seu interesse, inclusive formulando várias perguntas ao final da palestra”, comentou Pelópidas Soares Neto.