OAB-PE apoia a campanha Sinal Vermelho contra violência doméstica 

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email
REPRODUÇÃO/SITE AMB

Em decorrência do aumento significativo nos casos de violência doméstica durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19), foi lançada pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e em parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a campanha “Sinal Vermelho contra a violência doméstica”, que consiste em cadastrar farmácias como pontos de apoio às mulheres vítimas de agressões em todo o Brasil. 

Endossando essa campanha, a OAB Pernambuco, por meio da sua Comissão da Mulher Advogada (CMA), enviou um ofício ao CNJ, solicitando uma maior divulgação maior da campanha, visto que o número de casos de violência doméstica vem aumentando a cada dia. “Requer-se ainda veiculação de campanha nacional de conscientização via TV e rádio, bem como internet através de postagens promovidas em redes sociais, a fim de alcançar o maior público possível, incluindo aí mulheres em situação de vulnerabilidade, com o escopo de conscientizar sobre a violência doméstica contra mulheres, crianças e idosos, disponibilizando os canais oficiais de contato, telefones da defensoria e serviços como o 180”, diz um trecho do ofício.