OAB Pernambuco, Associação das Mães Solteiras e Brazil Foundation lançam projeto Paternidade Direito de Todos & Todas nesta quarta (08) no Recife

Whatsapp Facebook Twitter Linkedin Email

A OAB Pernambuco, a Associação Pernambucana das Mães Solteiras – Apemas e a Brazil Foundation lançarão nesta quarta-feira (08), a partir das 10h, no auditório da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), no Recife, o projeto Paternidade Direito de Todos & Todas. A iniciativa é voltada à orientação de famílias que precisam de informações sobre e como garantir a paternidade quando os pais são socioafetivos, falecidos, estão detidos ou residem em outros estados, além de casos de paternidade homoafetiva.

Durante o evento haverá a distribuição de uma cartilha e a formalização de parcerias da Associação com quatro municípios pernambucanos: Recife, Olinda, Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca. “É a  primeira vez no Brasil que os municípios abraçam o tema paternidade com o objetivo de orientar as famílias que precisam de informações acerca do tema”, comentou a presidente da Apemas, Marli Silva. O projeto já conta com o apoio da Defensoria Pública de Pernambuco, Associação dos Registradores Naturais do Estado de Pernambuco (Arpen-PE), Fundo Especial de Registro Civil de Pernambuco (Ferc-PE), Universidade Salgado de Oliveira (Universo) e a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), entre outros.

Mais – Em 2017, a OAB-PE e a Apemas promoveram a campanha Paternidade Além das Grades, para o reconhecimento voluntário de paternidade em estabelecimentos de detenção de Pernambuco. Pela mobilização, cartórios foram levados até as unidades do sistema prisional do estado para registrar filhos e filhas de apenados. A ação, que contou com a participação de outras entidades, também promoveu ações se sensibilização sobre o temas e palestras destacando a importância da família.